Da serie, series que eu amo: Bates Motel

30 julho 2015


Atenção, esse post fará com que você comece a assistir um seriado completamente viciante! Vocês já estão cansados de saber o meu amor por seriados certo? Bom, por conta disso, sempre que encontro seriados legais corro pra compartilhar com vocês e esse é um daqueles seriados que eu tinha que indicar aqui porque ele é muito bom, a história deixa a gente presa e ele é viciante.

O seriado conta a história de Norman Bates, um garoto de 17 anos e da relação complexa e quase incestuosa que ele tem com a sua mãe. o seriado conta como Norman, desenvolveu seu lado sombrio e psicótico na adolescência, explicando como o amor de sua mãe, Norma, ajudou a moldar um dos maníacos mais conhecidos da história do cinema.


SINOPSE: Após a misteriosa morte de seu marido, Norma Bates decidiu começar uma nova vida longe do Arizona, na pequena cidade de White Pine, em Oregon, e leva o filho Norman, de 17 anos, com ela. Ela comprou um velho motel abandonado e a mansão ao lado. Mãe e filho sempre compartilharam uma relação complexa, quase incestuosa. Eles ficam sozinhos até o filho mais velho de Norma, Dylan, voltar. Todos eles agora compartilham um segredo obscuro. Todos sabemos o que acontece em "Psicose", mas essa série irá contar a história de Norman e Norma Bates antes de Marion Crane se hospedar em seu motel. 

Não dá muita vontade de assistir? Eu já estou quase zerando o seriado, é viciante, a gente não consegue parar de assistir nunca!!!! 

O que vocês acharam do trailer e da sinopse meninas? Deu vontade de assistir? Quem ai já assiste e também ama? Conta pra gente!!!

Doce Veneno, capítulo 3



Ainda é cedo amor.
Mal começaste a conhecer a vida.
Já anuncias a hora da partida.
Sem saber mesmo o rumo que irás tomar.



A cabeça de Maysa ainda girava quando acordou as três daquela tarde nublada de domingo. A ressaca não lhe perdoava, como sempre, mas existia um combo extra: o fato de ter sido humilhada publicamente com aquela traição. Mas não ia ficar por baixo por muito tempo.

Tomou um banho quente demorado, vestiu-se e foi tomar um açaí na lanchonete que ficava próxima de casa.

Enquanto misturava o açaí com o creme de cupuaçu e leite condensado com uma mão, com a outra começou a deletar as fotos com Eduardo - seu atual ex-namorado.

Olhava de relance para os rapazes sentados e pensava que poderia conseguir qualquer um com um simples piscar de olhos. Loiros, morenos, brancos, negros, altos, baixos, desacompanhados ou não. Mas não estava com o menor saco. Ao contrário do que gostava de exibir, ela não se sentia minimamente confiante ou autossuficiente para dar sequer um passo.

Colocou os óculos escuros pra disfarçar as olheiras, pagou a conta e foi embora.

Andou por muito tempo a esmo, sem se dar conta que estava escurecendo. Ficou surpresa quando olhou o relógio e começou a caminhar de volta pra casa, apressando o passo, quando um estranho se aproximou.

- O que uma gatinha tá fazendo sozinha na rua essa hora?

Um homem com aspecto de sujo com cheiro forte de álcool lhe puxou pelo braço e começou a agarrá-la.

- Socorro! - Maysa berrou, tentando escapar dos braços daquela criatura medonha. - Por favor, alguém me ajuda!

- Solta ela.

O estranho virou para ver o rapaz franzino e alto que surgiu do nada - Olha aqui, playboy, ela tá comigo! - respondeu o homem, apertando Maysa contra seu corpo sujo.

- É melhor você fazer o que eu tô mandando, cara. Solta ela. AGORA!

- Ou o que?

O rapaz olhou pra trás e deu um forte assobio.

De repente apareceram dois caras altos e fortes.

- Esse aqui é o Gustavo, meu irmão, e o Joaquim, meu primo. Os dois são policiais e estão a paisana. Mas posso pedir que eles vistam o uniforme agora mesmo pra resolver esse problema que você tá causando à moça aí.

O homem soltou Maysa na mesma hora e saiu correndo.

Ela pulou nos braços do rapaz, tremendo de pavor.

- Agora tá tudo bem. Fica calma, tá?

Os olhos verdes de Maysa deixaram escorrer lágrimas quentes que molharam a camisa do rapaz.

Ele pediu para que o irmão buscasse uma garrafa de água na farmácia que ficava numa esquina próxima e ofereceu à Maysa, que aos poucos foi se acalmando.

- Obrigada. Obrigada mesmo!

- Não foi nada. Seu nome é?

- Maysa, mas pode me chamar de Isa.

- Isa, eu sou o Flávio, muito prazer.

- Isa? Isa! - era Caetano, que se assustou ao ver a irmã sentada na calçada.

- Calma, Caê. Tá tudo bem, agora. - respondeu Maysa, abraçando o irmão. - Esse aqui é o Flávio. Ele é o meu herói.

- Eu venho na farmácia e encontro minha irmã sentada na calçada chorando com um estranho, como você acha que eu poderia ficar, Maysa?!

- Calma, Caetano. Em casa eu te explico tudo.

- De qualquer forma, obrigado... Flávio, né?

- Isso! Fica tranquilo, cara.

- E você, mocinha, pra casa agora!

- Tá bom, papaizinho. Mas tu não ia na farmácia? - retrucou Maysa.

- Depois. Tchau!

- Tchau, Flávio! E mais uma vez, obrigada! - disse Maysa, correndo para o lado do irmão.


- Eu não acredito nisso, Maysa! Quantas vezes eu já te falei pra não andar sozinha por aí de noite? - Caetano andava de um lado pro outro do apartamento.

- Poxa, irmão, eu já disse que me distraí. E, olha. Já passou. Vem cá, me dá um abraço! - ela puxou o irmão para o sofá e o abraçou com força.

- Eu não saberia o que fazer se algo te acontecesse...

- Mas não aconteceu nada, Caê. E o Flávio apareceu bem na hora.

- Sorte a sua, né, irmã, desse rapaz ter te encontrado.

- Mas ele não faz o meu tipo.

- Porque? - questionou o irmão.

- Acho que ele é gay. Vou tomar banho, Caê. Tu faz a janta?

- Faço sim.

Maysa saiu saltitando até o quarto sem perceber que o irmão estava ruborizado com sua resposta.

Ao ligar o notebook teve um pequeno sobressalto e seus olhos se encheram de lágrimas novamente. Na foto, ela e Eduardo estavam sorrindo de mãos dadas. Maysa suspirou profundamente e mudou o plano de fundo de sua tela.

Ao abrir o facebook, viu uma mensagem dele. Pedia desculpas, que não queria que as coisas tivessem sido daquela forma, mas que eles tinham que conversar. Implorava que Maysa o ouvisse, porque nem tudo estava acabado.

"Você está enganado, Eduardo" respondeu para a tela do computador "Tudo acabou." e desfez o status de relacionamento, de "namorando" para "solteira", enquanto uma lágrima escorria pela boca.




Ouça-me bem amor.

Preste atenção, o mundo é um moinho.

Vai triturar teus sonhos tão mesquinhos.
Vai reduzir as ilusões a pó...



Continua...

Só vibrando amor e paz

29 julho 2015


Se tem uma coisa que eu adoro é atender a sugestões aqui no blog. E o post de hoje vai ser bem assim, uma combinação de dica da nossa, também colaboradora, Isabela Amorim Santiago, com o insight que tive para o post dessa semana que você confere a seguir. 

Não tem jeito, chega essa época de julho, e todos os seres humanos tem duas opções: Ou você tira férias e se prepara pra encarar o último semestre do ano, ou você não tira férias e fica babando de vontade enquanto vê updates infindáveis de fotos na praia em sua timeline. Eu, dessa vez, estou na segunda opção e por isso, senti a necessidade de essa semana, conseguir fazer um post que se adequasse às ambas situações. Sendo assim, quero falar sobre música relax! Aquele estilo que é a cara de colocar pra tocar no carro e sair pra viajar, ou simplesmente voltar pra casa depois de um dia de trabalho e ouvir uma musiquinha pra relaxar. O pré requisito? Não ser nada muito agitado e ter letras bem levinhas e que, de preferência digam coisas boas! Vamos mentalizar essa playlist então? 

Nada melhor do que começar com um clássico, o reggae do Natiruts! E na verdade eu poderia te indicar esse DVD inteiro que tem uma paisagem incrível da nossa cidade maravilhosa e letras que literalmente, só vibram amor e paz...


Essa é uma dica bem pessoal! No meio do ano passado, liberaram o vídeo de uma parte do show que nosso pandinha ruivo fez no Festival Pinkpop, realizado em LandGraff - países baixos. E esse trecho divulgado é simplesmente incrível, não somente pela qualidade da gravação e do show mas porque é uma seleção das melhores do Ed Sheeran e que vaõ sendo tocadas de um jeito que envolve e tranquiliza qualquer pessoa. Eu disse que era uma dica pessoal porque por diversas vezes, nos meus intervalos de aula na faculdade, coloquei os fones, encostei na carteira, fechei os olhos e descansei, sério, melhor trilha sonora! 



E como eu já dei a minha dica pessoal, agora passo pra vocês a indicação que a Isabela me deu de uma música que tranquiliza pelo ritmo e ainda passa uma mensagem muito legal, dessas que a gente fica pensando sobre a vida mesmo sabe? Espero que gostem e também consigam sentir isso!



Bom acho que alguns exemplos são bem clássicos de músicas relax né? É o caso de citar John Mayer e Norah Jones. Mas como eu gosto de inovar e sempre mostrar coisas novas, deixo vocês com o mais recente lançamento da também clássica e maravilhosa Coldplay que, essa semana, confirmou que vai fazer show no Brasil em março de 2016! Eba! 



E finalizando, já contei pra vocês que sou apaixonada por trilhas sonoras de filmes? Sim, amo tanto que já estou planejando há um tempo, escrever pra vocês sobre isso! E como eu já percebi que, se eu for colocar todas as trilhas que eu amo em uma mesma postagem, ele ficaria gigante, eu já vou dar uma adiantada pra vocês de algumas que são super especiais! No caso desse post, tem duas trilhas que se encaixam bem no propósito que é a trilha do filme "A Culpa é das Estrelas", "Se eu ficar" e acreditem se quiser, do apimentado "50 Tons de Cinza". 





Ok, eu não poderia ir embora sem deixar o meu bônus né? Sendo assim me despeço com uma música que fala literalmente tudo o que eu quis passar pra vocês! Relax, take it easy e até semana que vem! 








Aviso de cookies da UE e o que fazer para se adequar as regras!

Um dia desses entrei no meu blog e apareceu um aviso sobre as normas de navegação da UE, que solicita que todos os sites que utilizam cookies e usam o google Adsense, devem informar o seu leitor.


O google, como sempre sendo maravilhoso, explicou aqui o que está acontecendo para quem tiver dúvidas. Indico a leitura, assim ficamos por dentro de como realmente funciona as normas.

Agora, vamos a parte didática da coisa. Para você colocar o aviso no seu blog, primeiro de tudo você tem que saber que o método para blogs cujo domínio tem final .blogspot.com é diferente do método que vamos utilizar em blogs que o domínio é finalizado com .com ou .com.br. 

Para domínios .blogspot.com

Vá até o seu navegador e digite www.SEUBLOG.CO.UK, caso apareça a imagem abaixo o google já providenciou o aviso de cookies para o seu blog e você não precisa mais se preocupar!



Para domínios .com ou .com.br

Entre no site silktide e siga os passos a seguir (o seu consentimento ficará igual o que aparece aqui no ddm!!).




Depois de seguir esses passos, vá até o seu blog, clique em MODELO > EDITAR HTML > CTRL + F e busque por:

Quando achar, cole abaixo de
o código gerado e salve. Pronto, o seu aviso de cookies estará funcionando.

Espero ter ajudado vocês! Se tiverem mais dicas ou outros sites em que podemos colocar o consentimento de cookies deixem nos comentários que eu vou fazendo update aqui no post.

O que vocês acharam desse post? Ajudou vocês? Comentem!

7 dicas para esquecer seu ex

28 julho 2015


Se tem uma coisa que é difícil, essa coisa é esquecer um ex. Um relacionamento que aconteceu e passou mas que levou com ele muitas coisas e também deixou muitas coisas, como noites em claro, lágrimas, saudades e claro, lembranças boas, porque por mais que o relacionamento tenha passado e tenha nos magoado, as coisas boas serão sempre lembradas com saudade. Porém, com o tempo, tudo que mais queremos é esquecer o nosso ex e seguir a vida né? Mas isso nem sempre é uma tarefa fácil, por isso, separei sete dicas que vão te ajudar a esquecer, seguir a vida, dar uma de Elsa e deixar ir!

  1. Corte qualquer tipo de contato: Eu sei que a gente surta e morre de vontade de saber como foi o dia do outro e sente falta do outro querendo saber da gente, mas isso tem que parar. O relacionamento acabou e o outro não faz mais parte da sua vida, pelo menos por hora, então o certo a fazer é cortar o mal pela raiz antes que a gente acabe se machucando ainda mais. Portanto, se você não for forte para resistir a tentação de abrir o whatsapp e mandar mensagens, então bloqueie. Bloqueie no whatsapp, no facebook e em todas as redes sociais que façam você querer se auto sabotar.
  2. Volte a sua rotina: Quando a gente começa a namorar, automaticamente deixamos de fazer algumas coisas que antes eram parte da nossa rotina, como ir na academia, sair com as amigas para conversar, encontrar os amigos da faculdade para beber e jogar conversa fora. Mudamos tudo para adaptar com o nosso relacionamento, nossas idas a academia ficam mais irregulares, nossos encontros com as amigas param de acontecer porque o nosso tempo livre queremos estar com nosso namorado e os amigos da faculdade ficam em um segundo plano. Quando o relacionamento acaba, é importante retomar a rotina, assim, além de ocupar a cabeça, vamos ter nossos amigos nos apoiando - mesmo tendo abandonado um pouco eles - para superar.
  3. Jogue fora as lembranças: Pode parecer infantil e ridículo, mas isso é sério. Com o relacionamento algumas roupas do ex ficam na nossa casa. Fotos ainda existem no celular. Portanto, se desfaça de tudo. Mande alguém devolver as roupas que ficaram na sua casa, apague as fotos do celular, tire as fotos das redes sociais, exclua as conversas no whatsapp. É um passo muito importante para a gente não ficar lá, revivendo tudo aquilo sabe? O que for necessário lembrar, nossa cabeça vai guardar, o resto a gente tem que deixar ir!
  4. Saia mais: Não é vingancinha, nem querer ser o que não é, é apenas um modo válido de esquecer dos problemas por um momento. Sair de casa é sempre bom, vá ao shopping, ao clube.. Vá a uma balada, um barzinho. Faça coisas que tirem o seu foco de ficar pensando e remoendo o passado. Sair distrai a cabeça e de quebra faz a gente conhecer pessoas novas, o que é muito bom quando estamos no processo de esquecimento/superação do fim de um relacionamento, porque você vai ouvir histórias novas, vai conhecer gente interessante e vai perceber que existem muitas outras pessoas interessantes por aí.
  5. Faça terapia: Não estou falando pra você fazer literalmente terapia - apesar que isso ajudaria muito - estou falando para você fazer coisas que te façam refletir e repensar sobre certas coisas. Compre um livro de colorir, comece a correr, aprenda a meditar, faça yoga, qualquer coisa que deixe a sua cabeça livre e ocupada ao mesmo tempo. Quando aprendemos a nos livrar de pensamentos e nos concentrar somente em coisas que são importantes nosso processo de esquecimento já está quase completo, portanto, livre a cabeça dos pensamentos sobre o seu relacionamento e ocupe sua cabeça com pensamentos leves e felizes.
  6. Faça planos para o futuro: Comece a pensar em coisas que gostaria de fazer, faça uma lista com essas coisas e comece a fazer elas. Viajar pelo Brasil, ir para Disney, conhecer Londres, fazer faculdade, fazer intercâmbio, iniciar um novo projeto, começar um pequeno negócio. Tudo é válido e tudo deve ser listado, quando você tem planos para o futuro, você percebe que tudo que VOCÊ quer, depende única e exclusivamente de você.
  7. Deixe ir: Se livre de qualquer sentimento de mágoa ou rancor sobre o seu ex. Deixe ele ir. Comece a se dar valor e a contar somente com você, tenha em mente que é você e só você a pessoa que fará você feliz e que você vai encontrar alguém que vai te transbordar ao invés de te completar, porque quando alguém nos completa e vai embora, ficamos sem uma metade. Portanto, aprenda a desapegar-se, deixe o seu ex viver a vida dele e viva a sua, isso é superar. Deixar ir e não esperar que volte.
Depois desses sete passos, com certeza a sua vida será muito mais fácil. Não estou dizendo que quando você seguir essa listinha você vai ter esquecido, mas vai ter ficado mais fácil e você vai sentir menos dependência, porque no fundo, esquecer o ex é como se livrar de uma droga muito viciante, requer tempo e determinação. Portanto, vocês já sabem né? Nada de ficar se lamentando pelo que acabou, vamos focar no que estar por vir porque nada acontece por acaso e existe muita gente nesse mundo que é capaz de nos fazer feliz.

O que vocês acharam desse post meninas? Gostaram? Querem mais posts assim? Quem ai já esqueceu o ex? Tem mais alguma dica para acrescentar na listinha? Deixem aqui nos comentários que eu vou adorar saber o que vocês fizeram para superar.

Manual de como lacrar musicalmente

23 julho 2015


Hello people! Esse é mais um dos meus chamados "posts democráticos" ou seja, vai ter música pra todo gosto e além de tudo você ainda vai poder aprender a como lacrar as inimigas e bater cabelo nas invejosas em todos os ritmos musicais. Pra quem não está entendendo nada, todas essas expressões começaram a se tornar extremamente corriqueiras entre as divas Drags Queens ao dançarem músicas do estilo batidão, tipo "I Will Survive", e aí aos poucos foram se espalhando até se tornar uma verdadeira tendência a ideia de esnobar as invejosas e mostrar para as inimigas que não adianta vir pra cima, porque você vai ser sempre superior. Acho que deu pra entender né? E é pensando nisso e ainda na onda do post anterior sobre novidades que eu lhes apresento esse valoroso manual da lacração musical! Ahaza bee!

Algumas divas são clássicas já nesse estilo e é nelas que você deve começar a sua inspiração! Como no post anterior eu já apresentei a vocês a música nova da Beyoncé com a Nicki Minaj, dessa vez, vou citar outra diva que não fica pra trás quando o assunto é demonstrar superioridade. Estou falando da nossa bad girl Riri e o mais recente lançamento "Bitch Better Have My Money". #DevoNãoNegoPagoQuandoPuder

 

Há controvérsias, há quem não goste e fale mal até não poder mais. E quer motivo que intrigue mais uma lacradora do que saber que desperta tais sentimentos nas pessoas? E você pode até tentar negar mas juntamente com Valesca Popozuda, a Anitta foi a pioneira em começar aqui no Brasil com essa história de expulsar as invejosas. E como o lançamento da semana  é dela, eu ensino vocês agora a deixar ele sofrer!
 

Continuando na onda dos lançamentos e das nossas cantoras brasileiras, eu apresento uma das minhas preferidas do gênero. O nome dela já diz tudo, "Karol Conká" e solta no meio de suas músicas, que tem um ritmo contagiante, frases do tipo "Mamasita fala, vagabundo senta". Então já que é pra tombar tudo eu vou postar duas músicas dessa linda!



E quem foi que disse que o gênero masculino também não pode sambar na cara da sociedade? Eles podem e muito, tantos os internacionais quanto os nacionais! Eu te convido a assistir de camarote, o mais novo hit sensacional do destruidor Calvin Harris e de quebra, aprender a falar pra aquele ex que te trocou, que você está curtindo demais a vida, sem ele, e sem recalque algum hein Gente?




E falando do Sr. Harris, eu te digo que a amada dele também é uma rainha nesse assunto e recentemente lançou o seu clipe mais épico de todos os tempos! É um verdadeiro show da chamada Girl Power e a gente apenas observa e aprende com as melhores! 


Tudo tem uma referência, tudo tem o seu passado e assim, no momento retrô desse manual, eu só consigo pensar na Kelly Clarkson deitando o cabelo no vozeirão! 


Acho que uma das maneiras mais clássicas de demonstrar superioridade musical é, sem dúvida, a ostentação! E então eu te sugiro aumentar o som, fazer biquinho e dancinhas com os braços e dedinhos apontando para cima ao som dessa música incrível que apresenta uma remix incrível! 


Como o intuito desse manual é fazer uma manual diferente e democrático aí vai mais uma dica: Ao invés de você ficar mandando as pessoas pra aquele lugar, porque não dizer que você mesma está indo pra lá? Não estou doida gente, apenas deixem AC/DC rolar que vocês vão entender! #TemQueTerGuitarrinhaImagináriaTambém


 Bom, acho que já deu para vocês pegarem bem o feeling do negócio não é mesmo? Até porque, a partir de agora, só a prática irá dizer se você pode se juntar ao time do lacre afinal, já deu pra ver que com relação a estilos musicais, não há restrição e muito menos contra indicação! Beijinho no ombro e quem conseguir resultados satisfatórios, comentem aqui embaixo ok? 

Desejos de Menina © 2009 - 2015 - Todos os Direitos reservados
Volte sempre!