O sonho (parte II - A realidade)

10 fevereiro 2010

(...) Aquele rosto familiar e lindo foi se aproximando cada vez mais do meu, minha respiração ficou mais forte, eu já não sabia se era sonho ou se era realidade, e finalmente aquele rosto se encostou no meu, a minha boca estva próxima demais da boca dele, e em uma fração de segundos ele roubou um beijo, foi um dos melhores beijos da minha vida, se não o melhor. Senti seu sorriso e por um instante sorri também, algo que tinha acontecido ali, conseguiu me deixar feliz ao extremo, olhei para ele, ele me olhava como se eu fosse a coisa mais linda que ele já viu, fiquei sem graça mas logo me recuperei, respirei fundo e disse: - O que foi isso? o que aconteceu aqui?
Ele me olhou abriu um sorriso e disse: - Aconteceu que nós acabamos de descobrir que o que a gente sentia era real.
Fiquei confusa, mas aquilo não era um sonho ? Minha cara de confusa fez ele rir novamente, ele já me conhecia, sabia que eu não estava entendo aquilo, então me abraçou, um abraço forte, que me confortava, me sentia segura naqueles braços, é eu estava onde deveria estar, mas um barulho me fez acordar! Nunca acordei tão desesperada, queria dormir e poder olhar ele novamente, sentir ele, por um momento senti que estava de mãos atadas, meus olhos ficaram cheios d'agua, o que estava acontecendo?
De repente entraram no meu quarto me chamaram e disseram que alguém tinha deixado uma encomenda pra mim. Saí correndo, ao chegar na sala vi uma caixa, nela tinha um cartão escrito "Para o meu amor", peguei a caixa e voltei para o quarto. Quem será que me mandou essa caixa? Abri, no fundo tinha um espelho escrito "Dentro dessa caixa eu deixo a coisa mais importante da minha vida". Mas na caixa não tinha o remetente, por um momento acreditei que aquilo ainda era um sonho, mas logo isso acabou. Minha mãe disse que estava na hora de ir para a escola, e lá fui eu ! Chegando lá eu o vi, minhas pernas tremeram, minha mão ficou gelada, meu corpo não estava reagindo aos comandos, eu estava em choque, uma amiga me chamou e eu saí do transe, ela me olhou assustada e disse: - Você está bem?
Eu olhei pra ela dei uma risada meio que forçada e disse: - Sim, vamos logo !
Eu o fitei durante as seis aulas do dia, até que ele veio falar comigo, ele me olhou e perguntou: - O que você tem? parace não estar muito bem!
Eu olhei pra ele e disse: - Me abraça ! Me abraça por favor !
Ele logo me abraçou, e eu senti tudo que eu senti no sonho, dei uma risada, ele me olhou e disse: - Quer conversar? Não pensei nem um segundo, respondi sim. No meio da conversa ele se aproximou, minha respiração acelerou, meu coração ia sair pela boca até que (continua amanhã)
Beeeeeeeijos
Sweet Girl :*

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Desejos de Menina: O sonho (parte II - A realidade) © 2009 - 2015 - Todos os Direitos reservados
Volte sempre!