O GAROTO

08 abril 2010

Bom acho que eu vou contar a história de vocês, ou da maioria aqui.
Tudo começou com um olhar, eu sempre soube que um dia eu teria que me apaixonar loucamente por alguém, só não pensei que fosse acontecer tão rápido. Na verdade, eu não estava pronta para aquele novo sentimento, onde sofrer é o único e exclusivo sinônimo. Tá eu sei que nem sempre é assim, mas vocês vão entender conforme eu conto a história. Quando eu estava na 7ª série, me apaixonei loucamente por um menino, é eu tinha 14 anos e se apaixonar tão "nova" não é nada bom, além de não ter sentido nada parecido antes, eu era BV (sim, boca virgem) não estava sendo fácil, até que eu fiquei com um menino qualquer só pra deixar de ser BV e poder ir atrás do meu amor. Ok, se passou um tempo e eu finalmente fiquei com meu amor, depois da escola inteira é claro, mas tudo bem, eu fiquei entedeu? rs. Achei que seria para sempre, e que a gente iria se casar, mas, como todas já sabem, não é assim que acontece ultimamente. Sempre achei que deveria ter nascido em outra época, sou daquele tipo de menina que quer casar, ter filhos e tal, e hoje em dia, o que as meninas menos querem é se "amarrar". Tá eu não tive o meu final feliz, não dessa vez. Maaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaas, um dia apareceu o principe, quer dizer o sapo, ou melhor, "O GAROTO", sim aquele que todas suspiram quando ele passa, que tem a atenção de todas, menos a sua, ou no caso, a minha. Sim, não dei a minima pra ele, ele era criança, feio e o pior de tudo era tímido. Definitivamente ele não fazia meu tipo, na realidade, nenhum faz meu tipo, até eu me apaixonar, e foi o que aconteceu. Uma amizade começou do nada e eu não sabia como não ter aquele amigo. Sim, várias eram "melhor amiga" dele, mas eu era a única amiga que se apaixonou e ficou em silêncio. Se passou muito tempo, a amizade ficou menos limitada, tinhamos uma certa libertade um com o outro, e isso facilitou na paixãozinha, o que era bom, ou não (...)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Desejos de Menina: O GAROTO © 2009 - 2015 - Todos os Direitos reservados
Volte sempre!