Insônia

16 agosto 2011

 
Old_memories_by_sandymanase-d46qqxi_large

Mais uma noite, mais uma noite sem sono.
O sono, a vontade de dormir, a vontade de, até mesmo sonhar, se foi. 
Se bem que os meus sonhos nunca foram dos melhores mesmo.
Rolo na cama. Lá e cá. Cá e lá.
Nada.
Nem o calor do meu edredom macio, nem a fofura do travesseiro conseguem me trazer de volta o sono, tão esperado.
Então desisto.
Calço minhas pantufas e saio casa adentro, na ponta dos pés, para a cozinha.
Sim, para a cozinha.
Meu eterno refúgio, porque se não consigo preencher minha mente com sonhos bons, ao menos preencho meu estômago vazio.
Pego um copo com água gelada para a volta.
Mas quando volto, já não sou a mesma.
Meus medos começam a se alastrar pela minha mente fazendo com que eu sinta coisas.
Ouça barulhos estranhos, sinta uma presença inexistente.
Fantasmas, quem sabe?
Corro pro meu quarto e antes que alguém ouse em me puxar pelo braço, estou novamente em segurança.
Fecho a porta do banheiro, deixando, como sempre, uma fresta de luz, para minha segurança.
Olho no relógio e, me decepciono ao saber que já são quase três da manhã.
Mas para minha surpresa, ao deitar a cama parece tão mais convidativa que durmo.
E acabo esquecendo da minha amiga insônia, por mais uma noite.

Postado por: Isabela Santiago
Isabela Santiago 16 anos, vários desejos e sonhos e muito pra dizer pra caber nesse pequeno espaço. Aqui no blog faço contos e textos. Prazer, Isabela. :)

2 comentários:

  1. Nossa nem me fala nessa palavra horrorosa que é Insônia! Eu tenho de vez enquando, mas aproveito o tempo da madugrada! Para pensa em coisa legais para o blog como o concurso relâmapgo! (kkk)

    http://acessopermitidoblog.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. é anda me acompanhando essa coisa chata também !

    ResponderExcluir

Desejos de Menina: Insônia © 2009 - 2015 - Todos os Direitos reservados
Volte sempre!