Aquilo que nada pode separar

20 novembro 2011

Tumblr_lgpzw98mvn1qd375so1_500_large



Tão diferentes, mas tão iguais.
Ele curtia um rock pesado e até mesmo rap, enquanto ela dava preferência à mpb e pop rock.
Ele media 1,83 enquanto ela tinha somente 1,65.
Ela era extremamente nervosa e sistemática, enquanto ele deixava tudo rolar.
Ela fazia perguntas constantes enquanto ele tinha que responder a todas elas.
Ele já pintara e cortara seu cabelo de diversas formas, enquanto ela se mantinha entre o curto e o longo.
Ela era impaciente até mesmo quando ele demorava pra responder suas mensagens, mas quando ela não falava nada por muito tempo ele perguntava se ela ainda estava viva só pra que ela desse risada.
Ela era sistemática e ele mais largado.
Ele era extremamente cativante e ela era seletiva com suas amizades.
Ela era Flamengo, ele Palmeiras.
Ele era de São Paulo, ela da Bahia.
Mas nem mesmo a distância, as diferenças, e as tantas outras coisas que poderia fazer com que eles se mantivessem longe foram capazes de impedir que algo surgisse entre eles dois - aquilo que chamamos de amor.
E mesmo que ele não estivesse por perto, ou que ela estivesse extremamente triste, nada era capaz de impedir que seus corações pulsassem mais forte ao se verem na tela do computador. Seus olhos, seus sorrisos bobos esclareciam absolutamente tudo. E aquele desejo de viver um ao lado do outro só aumentava, juntamente com a vontade de manter aquela magia pra sempre.
Porque sabe, certas coisas acontecem do nada e se transformam no nosso tudo, quando se trata se amor.

Isabela Santiago

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Desejos de Menina: Aquilo que nada pode separar © 2009 - 2015 - Todos os Direitos reservados
Volte sempre!