Inseparáveis - capítulo II

31 janeiro 2012

- E ELE TÁ SAINDO COM A SIBELE? - gritei um pouco mais alto do que eu deveria.
- Melissa, cala a boca - Dan riu.
Sibele era a menina mais popular da cidade, aquelas bem de filme. Ela tinha tudo rosa. Tudo. Ela me odiava e eu nem sabia o motivo. Mas também não me importava.
Rogério era o rei dos nerds. Viciado em computador, jogos e coisas eletrônicas. Eu tinha uma quedinha por ele na primeira série. Mas os anos foram passando e, para ele, o computador ficou mais importante do que qualquer coisa.
E estavam os dois ali, na fila do cinema. Rogério e Sibele. Juntos. DE MÃOS DADAS. SAINDO. JUNTOS. JUNTOS. JUNTOS. Nada contra, mas isso era no mínimo, engraçado.
- Acho que eles tão em um love tão grande que nem te ouviram gritar, Mel. Vamos!
Fomos direto para a entrada do cinema, já que o Dan tinha ganhado ingressos grátis. Ele sempre ganhava alguma coisa em sorteios, sempre. O que eu não tinha de sorte para essas coisas, ele tinha de sobra. O bom é que sempre precisava de um acompanhante para o prêmio, e a acompanhante era eu.
- Nossa, esse filme é muito bom, né - o Dan tava super animado na saída do cinema.
- É sim, e o protagonista é um gatinho, meu Deus!
- Melissa - ele falou, sério.
- Oi - sorri.
- Para, eu ia ficar bravo com você, não sorri desse jeito - ele riu, eu ri.
“Como eu amava o sorriso daquela garota. Como eu amava quando ela me fazia sorrir. Como eu amava tudo nela. Ela era tão… Minha. Não tinha uma palavra melhor para descrevê-la sem ser ‘minha’. Tão minha.” (Daniel)
- Daaaaaaaaaaan…
- O que você quer? - ele riu.
- Nossa, mas por que você acha que eu quero alguma coisa? - fiz uma carinha meiga.
- Pelo jeito que tu falou meu nome - ele riu.
- Quero sorvete - fiz biquinho.
- O truque do biquinho, não caio mais nesse, Mel. Mas vamos que hoje eu estou legal.
Tomamos sorvete de casquinha e ele me deixou em casa. Tomei um banho e sentei no sofá para assistir televisão. Tava tudo perfeito até o celular tocar.
- Melissa Kretzer? - falou a voz do outro lado da linha.
- Sim - respondi.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Desejos de Menina: Inseparáveis - capítulo II © 2009 - 2015 - Todos os Direitos reservados
Volte sempre!