Como cão e gato (4º capítulo)

04 março 2012


- Lu, não entendo o porquê de tanta gastura com o Leonardo. Mulher, esquece essa história do suco. Ele é até gente boa. – dizia Lorena
- Não sei como você acha isso. Não tolero nem a presença daquele garoto.
- Ai ai, Luciana. Uma hora isso muda. Já ouviu falar em “amor e ódio”? Então? Haha
- HA-HA! Lorena, muito engraçado.
O que mais irritava Luciana era o fato de que Leonardo continuava sentando-se sempre ao seu lado na sala de aula. Porque ele não poderia simplesmente ignorar a presença dela e procurar outro lugar para se sentar? "Garoto idiota", ela pensava, "só deve estar querendo me provocar."
- Bom dia. – ele disse
- Dia. – ela respondeu, revirando os olhos
- E o bom? Onde está?
- Em minha cama, onde eu deveria ter ficado.
- Ah, não seja por isso. Ela não vai sair correndo por aí, ainda mais com uma dona tão linda. - ele sorriu, com um pouco de malícia estampada nos olhos.
Léo tinha o dom de irritar Luciana. E de certa forma, ele adorava isso.
- Não tem como você ficar calado até a saída? Eu ficaria extremamente grata.
- E o que eu ganho em troca?
- Minha alegria! – ela respondeu ironicamente
- Hum...
Passaram-se os primeiros três horários e as únicas coisas que saíram da boca de Leonardo foram as respostas dadas aos professores quando eles lhe perguntavam alguma coisa. No recreio, se manteve longe dela, e os dois últimos horários foram calados novamente.
Mas por mais que isso fora o que ela tinha lhe pedido, o fato dele estar completamente calado, nem sequer olhando para seu lado estava começando a instigar um sentimento contraditório dentro de Luciana. Será que ela gostava de alguma forma daquela “discórdia” vivida entre os dois todos os dias desde que se conheceram?
- Ufa! – Léo falou ao tocar o ultimo sinal.
- Estou impressionada...
- Ah, Lu. Eu fiz isso por você, ué haha
- Lu? – ela disse, um pouco constrangida, um pouco surpresa.
- Ué, não é esse seu nome?
Ela parou, sem reação. Que intimidade ela lhe dera para que ele a chamasse pelo apelido e não pelo nome? Mas enfim... Ele cumprira o trato, deixaria passar.
- Posso te perguntar uma coisa? – Léo disse, com os olhos um pouco baixos.
- Pode.
- Porque você tem tanta raiva de mim?
Ela ficou imóvel novamente. Porque, de certa forma, também não sabia. Apesar do acontecimento com o suco há semanas atrás, que ele por sinal nem se lembrava, ele nunca tinha dado a ela motivos para isso. Então porque seu sangue fervia toda vez que o via?
- Eu não tenho...
- Tem sim. Você é irônica comigo sem que eu diga nada. Só de me ver você já revira os olhos!
Luciana não conseguiu conter o riso.
- Porque está rindo?
- Porque você é idiota. – ela disse rindo e saiu.
Quando estava chegando perto da saída, ele puxou seu braço e fez com que ela ficasse de frente para ele, muito próximos, por sinal.
- Agora você vai me responder.
- Você além de idiota é grosso também?
- Pelo contrário, sou até muito gentil...
- Então faça o favor de me soltar, agora!
- Eu poderia fazer algo bem melhor, se você deixasse...
- Você não se atreveria ...
Ele puxou-a para si e a beijou.
- Você está ficando louco, é garoto?
- Não mesmo. Sou até muito sensato.
- Idiota!
Ela saiu pisando firme, sem lembrar de esperar o namorado na porta da escola, foi para casa sozinha, com a cabeça fervendo de raiva da ousadia que Leonardo tivera ao lhe beijar. "Garoto estúpido! IDIOTA! Depois dessa ele não tem chance nenhuma comigo mais, nem se ser meu colega e muito menos meu amigo." ela pensava
-Hei, Lorena?
- Oi, Victor.
- Você viu a Lu? Não encontrei com ela e tô esperando aqui já faz algum tempo...
- Não vi também não. Léo? Tu viu a Luciana?
- Aham, ela já foi. - ele respondeu com um sorriso estranho no rosto, um sorriso de alguém que conseguiu o que queria.
- Ok, obrigada.
- Então vou indo, tchau. - respondeu Victor, indo embora.
- E eu posso saber o porquê desse sorriso de todo tamanho, Leonardo?
- As coisas estão começando a dar certo...
- Como assim?
- Nada, tchau! - ele montou em sua moto e saiu.
- Aí tem coisa... - sussurrou Lorena, sem imaginar o que tinha acontecido entre ele e a amiga.

Continua...

2 comentários:

  1. Amei,ta muito perfeito essa história!!*-*
    http://blog-mudancas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Oi, vim avisar sobre a super PROMOÇÃO que está tendo no meu blog, concorra a um Perfume Christina Aguilera e mais!

    acesse:http://kli-che.blogspot.com/2012/03/promocao-kliche-2.html

    ResponderExcluir

Desejos de Menina: Como cão e gato (4º capítulo) © 2009 - 2015 - Todos os Direitos reservados
Volte sempre!