Inseparáveis - capítulo XVII

13 março 2012

- Falar o quê? 
- Aquele beijo… - ele começou.
- Não precisa se explicar pra mim, Dan, você pode fazer o que você quiser, ficar com quem você quiser, namorar quem você quiser… Eu não ligo - meu coração doeu falando isso.
- Ah é? Ok.
- Vocês estão juntos? - perguntei.
- Você não liga, por que quer saber?
- Para de drama, Daniel. Você entendeu o que eu quis dizer né.
- Entendi muito bem.
- Não ligo porque tipo, não sou eu que vou impedir, né…
- Na verdade, é… - ele falou, baixinho.
- Oi? - fingi não escutar.
- Nada, nada, Mel.
- Vai me falar sobre ela ou não?
- Tudo bem. Quando você começou a sair com o Felipe, eu me senti sozinho, poxa Mel, não precisava me trocar né…
- Eu não te troquei.
- Não, magina. Enfim, aí a Ana veio falar comigo e eu sei lá, não recusei, entende?
- E o beijo? - perguntei.
- Ela falou que ia provar que era melhor que você e disse que um dia na aula ia me surpreender, aí né…
- Ahm, entendi - olhei para o chão.
- Mas você saiu da sala antes de eu te explicar tudo, antes de ver a bronca que eu dei nela.
- Desculpa, eu sei lá, não entendi nada…
- Não precisa se desculpar, ok? E ela fez isso porque vai para o exterior com a família dela… ‘É sua última chance de se apaixonar e fugir comigo’ ela disse. Doida né? Eu ein…
- Tá falando sério? - eu ri.
- Super sério, Mel - ele riu também.
- Mas e aí, se apaixonou?
- Não - ele disse, deu um sorrisinho e olhou para o chão, envergonhado.
Ficamos em silêncio por um tempo, até que ele perguntou:
- Mas e você, por que tava tão mal quando eu cheguei?
Contei toda a conversa que eu havia ouvido do Felipe e o outro amigo.
- MENTIRA. MELISSA, MAS ESSE CARA TEM QUE VER SÓ, SÉRIO, ESPERA AQUI - ele começou a andar para a porta.
- Daniel, não, eu já sei o que eu vou fazer.
- NÃO QUERO SABER, ELE É UM BABACA, IDIOTA, NOSSA, NÃO ACREDITO.
- Ele não sabe que eu sei, deixa eu humilhar ele também.
- Hmmm, isso parece interessante, prossiga - ele gostou da ideia.
Contei tudo o que eu tava pensando, ele aprovou e disse que iria ajudar.
- Melissa… - Dan falou baixinho, chegando perto de mim.
- Oi - respondi, olhando pra ele.
Ele não disse nada, apenas fechou os olhos e me beijou.

3 comentários:

  1. Ain amei,muito fofo!!*-*
    http://blog-mudancas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. lindo blog e linda mensagem do post.
    adorei! bjs

    ResponderExcluir
  3. Tô adorando... acho que entro inúmeras vezes no blog esperando pela continuação!
    Adoro seu blog :a

    ResponderExcluir

Desejos de Menina: Inseparáveis - capítulo XVII © 2009 - 2015 - Todos os Direitos reservados
Volte sempre!