Tão mudada, tão eu

18 março 2012


Acho engraçado me lembrar de certas fases minhas. Quando eu era criança, quando eu tinha quinze anos,quando eu me apaixonei, quando eu namorava, e agora. Imaginar que a vida é um mecanismo tão transitório quanto o ponteiro do relógio, apesar de que essa primeira nunca tem um movimento único e uniforme.
Contar que o tempo passou, que consegui coisas que jamais imaginei que conseguiria, como passar nas bimestrais de matemática sem recuperação alguma, superar o fim de um namoro e conseguir seguir em frente de cabeça erguida, ser paciente em momentos que eu só queria explodir, e conseguir encontrar um caminho quando tudo parecia ter acabado pra mim.
O tempo vai passando, às vezes rápido demais, outras lentamente. E nunca se sabe o que vem pela frente. Em troca de um namorado que não me merecia, conheci um novo amigo que me dá forças e me ensina que viver e ser feliz não está ligado ao fato de você estar acompanhado, mas à maneira como você lida com isso. Acabei me afastando das formas como acreditava nas pessoas e nos sentimentos. Hoje já não tenho muita tolerância para certas coisas que antes eram fundamentais para mim. Passei a me valorizar, mesmo sabendo de minhas imperfeições, não dando tanto importância ao meu físico, mas ao meu espírito.
Cansei de imaginar muito, de esperar muito, de amar muito.
Tô aprendendo a manter o equilíbrio das coisas ao meu redor, não deixando nada em excesso ou em falta, reaprendendo coisas que já deveria saber há tempos e me reaproximando da unica pessoa que merece meu amor condicional - a mim mesma.

2 comentários:

  1. Gostei muito do texto e a forma como abordou as mudanças da vida. Volta e meia também me pego pensando nisso tudo. Como mudei de um tempo para cá e o que desencadeou toda essa mudança. É sempre bom ter mais experiências, algumas dolorosas, outras prazerosas, mas todas são vitórias. Até mesmo a desilusão.
    http://trinitrotoluenohead.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Eu amei o texto,eu to bem nessa fase,meio conhecendo sobre si rs,é ótimo mudar e ate engraçado porque as vezes o que você mais amava antigamente,hoje é o que você mais abomina rsrs!!^^

    http://blog-mudancas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Desejos de Menina: Tão mudada, tão eu © 2009 - 2015 - Todos os Direitos reservados
Volte sempre!