Aquilo que me falta

08 junho 2012



Por mais mudada que eu me sinta, por mais distante de tudo aquilo que, durante a maior parte da minha vida, fora perfeito pra mim, ainda sinto falta de muita coisa. Não de pessoas em si, porque, de uma forma ou de outra, tu tem que aprender a desapegar-se delas. É fato. Com o tempo aquilo que era essêncial, já não tem sequer sentido, principalmente quando se diz respeito a pessoas que devem ser esquecidas. E não é de todo mal fazê-lo. Esquecer é uma atividade que faz muito bem, principalmente pra aqueles que carregam um coração partido.
Mas aqui dentro, nesse coração que eu nem sei mais se existe por completo, eu ainda sinto um certo vazio. A limpeza que se fez em mim, quando eu decidi não buscar gostar de mais ninguém está feita, mas minha essência foi levada.
Minha alma romântica, idealista e sonhadora se perdeu em algum lugar onde eu não consigo ir. E, de uma forma ou de outra, isso me faz mal.
Porque ninguém consegue viver de vazio, de nada.
E por mais que eu tente acreditar que eu vou ficar bem sozinha, que eu não sirvo pra essas coisas de amor, ainda permanece em mim essa persistente vontade de voltar atrás e encontrar alguém que eu possa cuidar, e que cuide de mim, com quem eu possa dividir esse negócio tão distante pra mim, que alguns ainda chamam de amor.

Por: Isabela Santiago

4 comentários:

  1. Nossa que lindo floor ^^ Amei ..
    essa história se parece um pouco comigo haha'
    Ja estou seguindo de volta ..

    http://souzadiinha.blogspot.com.br/
    Beijos :g

    ResponderExcluir
  2. Essa Isabela escreve muito bem de verdade!

    www.todagarotadeviasaber.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. nossa, achei uma fofura o seu blog :D deem uma passadinha no nosso http://nossomosmoda.blogspot.com.br/ beijinhooos

    ResponderExcluir

Desejos de Menina: Aquilo que me falta © 2009 - 2015 - Todos os Direitos reservados
Volte sempre!