Complicada Mudança

14 junho 2012



Tenho problema com mudanças. Na verdade porque eu sei que estou diferente por dentro, que algo em mim não é mais como era antes, mas é tão complicado fazer toda essa mudança, esse diferencial submergir para fora. Fazer com que os outros também percebam o quanto você mudou e o quanto você merece respeito por isso, porque afinal, você está aí, erguido depois de tanta rasteira e tombo levado. Fez tudo o que pôde para que as coisas fossem diferentes, mas não rolou e enfim, tu seguiu em frente, apesar dos pesares. Mas e depois da decisão de seguir em frente? O que realmente mudou, além do seu coração e sua mentalidade? Tudo bem. O que tá aí dentro pode ter alterado, tu não sente mais as mesmas coisas que sentia antes, e nem consegue sequer pensar em tudo aquilo que lhe causava arrepios. Mas e o que mudou no exterior? Tu deixou de vestir alguma roupa ou mesmo começou a se vestir de uma maneira diferente, tu deixou de comer alguma coisa ou ouvir certo tipo de música, tu passou a ler mais, esperar menos das pessoas, ter menos medo de se arriscar ou não, passou a falar menos ou deixar fluir tudo o que você pensa, enfim, qualquer coisa que transpareça essa mudança, que a evidencie? Espero que sim. Espero infinitamente que sim, assim como espero que minha mudança possa atravessar as barreiras que me tornam fraca ou idiota, pra me levar além do que eu posso ver. Porque apesar de tudo, de todas as cicatrizes e arranhões, eu tô viva. E é nas pequenas mudanças de atitude, de visão de mundo que posso seguir em frente. Mais leve, com menos carga e peso na consciência de continuar sendo o que eu fui ontem, me alterando a cada dia, para melhor. Para o meu melhor.



2 comentários:

  1. Mudar só faz bem, a gente as vezes precisa jogar algumas coisas fora pra seguir em frente ^^
    http://themudancas.tk/

    ResponderExcluir
  2. Perfeito é pouco pra descrever esse texto!

    www.tembrilho.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Desejos de Menina: Complicada Mudança © 2009 - 2015 - Todos os Direitos reservados
Volte sempre!