Meus quereres

16 agosto 2013



Tava reparando no quanto o tempo passa rápido.

Parei na frente do espelho e vi que meu rosto tava um pouco mudado. Não tinha mais aquele brilho dos quinze anos. Meus cabelos também envelheceram, tornando-se mais compridos e finos.
Senti que já não tenho toda aquela inocência que antes me era tão constante. 
Queria pensar menos em determinados assuntos, poder voltar no tempo pra poder viver mais tudo o que hoje me traz lágrimas de saudades. 
Queria sentir a mesma alegria quando sentia certos aromas.
Queria sentir menos saudades e apertos no peito ao ver as fotografias de tempos atrás.
Queria ter mantido algumas amizades, que hoje não se lembram que eu existo.
Queria enxergar com mais esperança e doçura o que vem pela frente, acreditando que ainda pode existir algo de bom no futuro, retirando-me do pessimismo ou mesmo do ceticismo que vive presente dentro de mim.
Tantos quereres impossíveis que hoje se fazem constantes em meu ser, que já nem lembro do que me é possível. Mas deixo quieto, finjo estar bem e desfaço meu reflexo no espelho.
Volto para minha realidade, às vezes nua e crua, às vezes um pouco doce e mais humana.
Deixo que o tempo desfaça não só a minha juventude, mas também meus defeitos e medos, pra poder seguir em frente, quem sabe mais leve e completa.

Isabela Santiago

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Desejos de Menina: Meus quereres © 2009 - 2015 - Todos os Direitos reservados
Volte sempre!