Para sempre é um segundo

12 junho 2015


Era uma vez uma história de amor que virou uma história de vários amores. Tudo começa quando você conhece uma pessoa e acredita fielmente que ela é o amor da sua vida e joga em cima dela todas as suas expectativas sobre amor e relacionamento e ela te enche de promessas. Finais felizes, "eternamentes", para "sempres"... 

É tudo criado entre vocês para que exista uma ligação, uma conexão inquebrável e um dia essa ligação simplesmente entra em modo avião, é desligada sem que você tenha como prevenir e esse voo que ela está vai durar o resto da sua vida.

Nesse momento você decide que é o momento de conhecer outras pessoas, de enfrentar novamente aqueles encontros que você raramente sai pensando 'é essa pessoa', e você começa a perder a fé nas coisas. Deixa de acreditar que exista o tal do amor e esquece dele por um tempo. 

E é aí, nesse exato momento entre o piscar de olhos e a escolha de deixar pra lá que aparece alguém que te faz acreditar de novo.

E você acredita e deposita todas as suas expectativas de novo, mas dessa vez, ah, dessa vez é diferente, não existem promessas nem finais felizes, existe o 'o que tiver que ser será' e foi. Foi embora mais uma vez, como todas as outras pessoas que você já conheceu, como todos os outros amores da sua vida, porque sinceramente? A vida é feita de amores e é ingênuo demais quem acha que só existe uma, entre as bilhares de pessoas no mundo capaz de fazer o outro feliz.

E então, você percebe que é muito mais fácil viver nosso conto de fadas da vida real quando se aprende que quando você virar a página, não vai ter um felizes para sempre e sim um: foi ser feliz enquanto tinha que ser e depois, vai ser feliz de novo,  porque pra sempre é tempo indefinido e pode durar apenas um milésimo de segundo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Desejos de Menina: Para sempre é um segundo © 2009 - 2015 - Todos os Direitos reservados
Volte sempre!